Arquivo para Senado - Daniele Barreto
19
junho
2015
Comitiva de Senadores brasileiros causa constrangimento

Olá, meus amigos, tudo bem?

Essa semana, um dos assuntos mais debatidos foi a visita de uma comitiva de Senadores brasileiros a Venezuela. Liderada pelos tucanos Aécio Neves (PSDB-MG) e Aloysio Nunes (PSDB-SP), a comitiva tinha o objetivo de visitar o líder opositor venezuelano Leopoldo López, detido há mais de um ano na prisão militar. A comitiva não foi bem recebida no país, e teve que voltar ao aeroporto por questões de segurança após o ônibus ter sido cercado por manifestantes que hostilizaram os parlamentares brasileiros. Eduardo Cunha obviamente criou uma comissão para acompanhar o desfecho da situação – que causou problemas diplomáticos – e a Câmara aprovou uma moção de repúdio. Ambos presidentes de Casas no Congresso Nacional pressionaram a presidente Dilma e o Governo brasileiro emitiu uma nota lamentando o ocorrido. Os senadores alegam que o impedimento ao cumprimento da agenda foi uma “arapuca” orquestrada.

Sobre a comitiva de senadores brasileiros na Venezuela: (interaja também no face)

1º – Eles poderiam ter optado por visitar o sertão nordestino onde desde sempre se morre de sede – indecência maior do que se possa constatar em qualquer presídio venezuelano; poderiam visitar o agreste da Bahia (onde nasci) e ver que toda semana bandidos explodem bancos e fazem cidadãos de escudos no embate com a polícia; poderiam ter ido para Rondônia, onde cidades INTEIRAS tiveram sua população evacuada por cheias em rios e famílias estão desabrigadas porque perderam tudo; poderiam visitar o Oiapoque, cuja população leva 2 dias de ônibus para fazer um percusso de 600 kms até a capital Macapá devido às condições (vergonhosa) da estrada; poderiam ir no Recôncavo da Bahia, onde cidades estão sitiadas pelo crime organizado; poderiam visitar abrigos que cuidam de idosas de rua que são estupradas nas madrugadas em Salvador (em número maior do que o de presos políticos na Venezuela); poderiam visitar o presídio de Pedrinhas, no Maranhão, no qual indivíduos são decapitados de forma medieval; poderiam visitar tribos que vem sendo dizimadas pelos orizicultores no sul do país que criaram milícias rurais (incentivadas por um parlamentar federal) para abater os indígenas; poderiam esbravejar pela criança apedrejada por ser do candomblé; poderiam protestar contra a encenação da Reforma Política e adotar providências, no Senado, contra essa palhaçada; poderiam visitar a família da criança que marginais tocaram fogo viva; poderiam se compadecer por sermos o país que mais mata no trânsito e realizar visitas para fortalecer ONG´s que cuidam das famílias das vítimas; poderiam visitar as grávidas que morrem diariamente em nossos presídios sem assistência médica (depois de serem usadas como mulas do tráfico, por companheiros nos quais confiaram); poderiam visitar as fazendas (de muitos membros do Congresso) onde há denúncias de trabalho escravo (aliás, foi aprovada na Câmara a flexibilização do conceito de “trabalho escravo”)… Mas os digníssimos Senadores Brasileiros preferiram ir discutir questões políticas da Venezuela. Ou aqui não temos problemas suficientes para ocupá-los, ou eles não conhecem o país o suficiente para com seu povo se ocupar. Gente, quando se ocupa um dos cargos mais importantes do país, tem que, no mínimo, saber escolher prioridades, né? No mínimo!

2° – se Aécio queria – e a intenção era EXATAMENTE essa – SOMENTE criar um fato político, parabéns aos envolvidos: conseguiram. Pronto! Não vou ficar tecendo mais comentários sobre a forma como os senadores foram recebidos na Venezuela “por motivos de”: acho que temos outras prioridades para discutir no país – no lugar de ficar dando força a ações panfletárias.

11148788_862182930526229_772391648145574961_n

( o Ministério da Saúde adverte: se vc viu nesse post um juízo de valor sobre o Governo venezuelano, um médico deve ser procurado se persistirem os sintomas )

E você, o que acha da visita dos Senador a Venezuela e o protesto que os impediu de visitar os presos políticos? Clique AQUI e dê sua opinião no Facebook!

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram


TAGS: ,
28
janeiro
2015
Dica de ouro: Cursos Gratuitos no site do Senado Federal

Oiii, galera, como passaram a quarta-feira?

A minha foi super corrida. Além do trabalho de assessoria, corri para deixar alguns posts bacana aqui no blog para vocês e gravar o comentário político para o Programa Opinião, da 93 FM (jájá posto a transcrição do comentário político que fiz). Sem falar que o dia hoje bombou de notícias políticas e a gente tem que ler tudo para ficar bem informado, né? Ah, de hoje para amanhã tem post falando dos ministros de Dilma e também sobre a posse dos Deputados Federais e Senadores, que ocorre no próximo domingo. Correria tão grande que marquei de almoçar com uns amigos e nem consegui, mas olha a foto linda que eles me mandaram, com muito amor: AQUI!

Mas, vamos lá fechar o dia hoje com uma dica incrível para quem quer, nesse início de ano, bombar o currículo e aprender muito sobre política e cidadania. Eu já aproveitei o início de ano para estabelecer minhas metas e também fazer uma listinha de cursos e livros que vou ler nesse 2015 promissor!

E quem não gosta de fazer cursos de excelente qualidade e DE GRAÇA, heim? Pois é! Então venho falar com vocês sobre os cursos oferecidos pelo Senado Federal! E nem precisa viajar para Brasília nem ter dinheiro para pagar. Os cursos são gratuitos e você pode fazer em casa ou no trabalho quando o chefe não estiver olhando. 

Mas tem que ter disciplina e estudar, viu? Os cursos não são mangueados não! Olha, além de um conteúdo profundo e extremamente valioso e bem elaborado, ainda tem avaliação no final dos módulos para checar nosso aprendizado. Quem não tirar uma nota compatível com a exigência do curso, não recebe o certificado. #achojusto

senado

Eu já realizei alguns cursos e todos contribuíram muito para meu crescimento profissional e intelectual!

É o seguinte:

O material didático é super acessível, com linguagem simples e conteúdo bem didático. Mesmo quem não tem conhecimento na área pode acompanhar, além disso, quem já trabalha com política e/ou possui mais base sobre os assuntos poderá fazer o curso mais rapidamente, mas também vai gostar!

Você poderá imprimir o curso e, além de estudar com mais calma, terá sempre o material didático para consultar!

É bom para quem está estudando para concurso, para quem já trabalha na área (política, administração pública) e quem gostaria de conhecer um pouco mais e quem sabe ingressar.

Lembre de fazer a AVALIAÇÃO FINAL, na qual deverá obter pontuação específica para receber o certificado.

(todas as normas encontram-se no site do Senado)

meus-certificadoscertificado-senado-3certificado-senado-2certificado-senado-1

Não poderia deixar de compartilhar essa informação com vocês!

Espero que vocês gostem da dica e que os cursos sejam tão valiosos para vocês quanto são para mim!

Aguardo vocês nas redes sociais!!!

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram