Arquivo para Renúncia de Dilma - Daniele Barreto
06
maio
2016
Dilma vai renunciar?

Olá, pessoal. Tudo certinho?

Já comentei com vocês em vídeos anteriores que, na ausência de fundamentação jurídica para o impeachment, os defensores da ideia vêm espalhando boatos na mídia e corredores de Brasília que a presidente Dilma vai renunciar.

Ela não vai!

Nesse vídeo, explico para vocês os motivos pelos quais Dilma não abrirá mão do cargo e o que leva os opositores a inventar que ela jogará a toalhe.

Assista:

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube


09
abril
2016
Vídeo: Os 4 caminhos de Dilma

Pois é! Mas se não está fácil pra gente, imagine para Dilma que só tem 4 caminhos hoje:

  • negociar seu mandato com o Congresso Nacional para não perdê-lo;
  • perder o cargo através do processo de impeachment em curso;
  • cassação da chapa pelo TSE; e
  • renúncia.

No vídeo, explico detalhadamente cada possibilidade de caminho de Dilma, diante do cenário nacional, e qual a mais provável.

Vem ver:

Já somos 961 inscritos no canal do Youtube! Já estou na expectativa de chegarmos aos 1.000. Se inscreva no canal Daniele Barreto – você recebe as notificações de novos vídeos por e-mail e assiste em primeira mão!

——————————————————–

No canal, você encontra vídeos relacionados ao assunto desse post:

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube


09
abril
2016
Resposta a Leandro Narloch: Dilma não vai renunciar!

Dilma não vai renunciar! Mas, alheios (ou fingindo essa condição) a essa constatação, muitos anti-governistas, anti-petistas e anti-dilmistas vêm substituindo o discurso do impeachment pelo da renúncia da presidente. É uma estratégia bem bolada para jogar com a plateia (plateia, no caso, o povo brasileiro).

E o colunista da revista Veja Leandro Narloch escreveu um texto argumentando o quanto renunciar seria virtuoso e digno para Dilma. Eu respondi aos argumentos dele, até porque muitos deles não possuem compatibilidade com o cenário político nem se fincam na tão prezada honestidade intelectual.

Como o impeachment perde força na medida em que o processo se aproxima do Senado, onde Dilma pode reverter a situação, cada vez mais o discurso do “Dilma tem que renunciar” cresce entre os oposicionistas, e será, obviamente, levado às ruas nas próximas manifestações – com a população inflamada pela frase que será repetida exaustivamente nos meios de comunicação nos próximos dias.

Mas Dilma já informou que não renuncia! E tem todo o direito de não renunciar. Aliás, mais do que isso, tem o DEVER de não renunciar.

dilma renuncia

Eleita democraticamente – sim!, temos eleições e sim! somos um país democrático – é compreensível que não entregue o cargo, ainda que com toda a pressão de movimentos organizados, políticos e partidos políticos. Presidentes não são eleitos para renunciar. E ela dificilmente o fará.

E se manterá no cargo não por um esforço individual, mas:

  • por um projeto que ainda leva milhares de pessoas às ruas e ainda sustenta seu governo;
  • pelo que votaram nela;
  • pelos que ainda compreendem a manutenção de seu mandato como a representação da vontade popular
  • pelos que, ainda que com inúmeras objeções ao seu governo, não acreditam na cisão de um processo democrático como forma de melhorar o país.

Eu me incluo na última hipótese citada acima e comento, no vídeo abaixo, os argumentos do que acreditam que a renúncia é o melhor caminho para Dilma nesse momento.

Assista:

Já somos 950 inscritos no canal do Youtube! Já estou na expectativa de chegarmos aos 1.000. Se inscreva no canal Daniele Barreto – você recebe as notificações de novos vídeos por e-mail e assiste em primeira mão!

——————————————————–

No canal, você encontra vídeos relacionados ao assunto desse post:

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube