Daniele Barreto - Blog sobre política e estilo de vida
06
julho
2016
Acorda pra Política: Corruptos, Xenófobos, Bolsonaros

Bom diaaaa!!! Qual a cara da nossa Câmara dos Deputados?

Em abril vimos nossos parlamentares protagonizar uma das cenas mais repugnantes da história do país. Independentemente do resultado da sessão (aprovação da admissibilidade do impeachment ou não), a lição que temos é que precisamos mudar a cara do Congresso Nacional. Sim!, nós precisamos mudar. NÓS! Os deputados não mudarão seu perfil perverso, debochado, com valores reprováveis. Nós, brasileiros, precisamos – diante do que vimos escancarado naquela noite de domingo – mudar a qualidade da legislatura na Câmara.

Xenófobos? Corruptos? Bolsonaros? Ignorantes? 😠👎 Essas são as indagações que a revista Brasileiros nos faz, e, lendo a publicação nessa manhã, resolvi gravar um vídeo para discutimos as implicações políticas desse perfil da maioria dos deputados federais.

DSC01539

A transmissão ao vivo da sessão foi uma estratégia de Eduardo Cunha (que a localizou propositadamente num domingo à noite) e da imprensa para que os parlamentares se sentissem pressionados a dar satisfações à opinião pública (em tese, majoritariamente contra a presidente). O que era uma tática de pressão, se transformou num “tiro no pé”, quando os parlamentares tiveram suas vísceras políticas, perfil reprovável e ausência de caráter expostos para todo o país.

DSC01544DSC01551

Vem ver o vídeo e debata conosco nas redes sociais (postei o vídeo no Youtube e no Facebook para conversarmos mais, ok) 

——————————————————– 

Acompanhe os vídeos sobre política no Youtube. Já somos mais de 1.300 amigos, juntos no Youtube, discutindo sobre política e lutando por um país melhor. Se una a nós.

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube


05
julho
2016
Acorda pra Política: Um guia do Brasil pós-PT

Bom dia a todos!

Animados, nós estamos! Não que o cenário político inspire confiança e amabilidade, mas porque jamais vamos perder a capacidade de acreditar que é possível fazer um Brasil mais justo e igualitário, com menos corrupção e mais decência nos três poderes.

DSC01519

Hoje trago para vocês a revista Exame – para começarmos o dia bem informados no nosso quadro “Acorda pra Política” (se você está chegando por aqui agora, deixa eu explicar: é um quadro no qual eu converso com vocês sobre matérias publicadas em revistas ou jornais).

um guia pós PT

E a Exame nos trouxe um guia para o Brasil pós-PT. Ou seria um passo a passo de como sobreviver ao governo Temer? Ou um tutorial para ainda conseguir ter esperanças no Brasil? Fácil, não está. Mas dá para esperar reformas importantes nos próximos anos?

DSC01522

Falo também sobre a real possibilidade de mudanças e reformas importantes.

DSC01532

Vamos assistir o vídeo e debater o tema?

——————————————————– 

Acompanhe os vídeos sobre política no Youtube. Já somos mais de 1.300 amigos, juntos no Youtube, discutindo sobre política e lutando por um país melhor. Se una a nós.

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube


03
julho
2016
Não há lógica na era do ódio e amor político

Bom domingo a todos! ‪#‎VídeoNovo‬ comentando a Revista CULT.

DSC01514

Vamos começar esse domingo na piscina tomando sol lendo uma revista juntos? Nessa manhã, trouxe a revista CULT para você. Não é uma publicação que a maioria de nós costume ler, por isso mesmo, achei interessante apresentar aos que não conhecem e ampliar o debate com os que já são leitores vorazes (como eu) da publicação.

DSC01509DSC01512

O tema principal de nosso debate nessa manhã é:

“De um lado, o ódio surdo, materializado no panelaço, prática que esconde sua verdade na incapacidade de ouvir. De outro lado, o amor cego, que adere a uma imagem histórica do PT que corresponde apenas a uma ilusão retrospectiva”.

Concordam?

——————————————————– 

Acompanhe os vídeos sobre política no Youtube. Já somos mais de 1.300 amigos, juntos no Youtube, discutindo sobre política e lutando por um país melhor. Se una a nós.

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube


16
junho
2016
Melhor imagem da tocha olímpica

Oi, pessoal, bom dia. A tocha olímpica está percorrendo o país. Confesso para vocês que não estou acompanhando com tanta empolgação (salvo olhar as fotinhas no Instagram de blogueiras de moda que sigo e que foram selecionadas para carregar o fogo olímpico).

Mas nessa manhã, uma imagem do twitter da Revista VEJA me chamou atenção: Nhoket Kaiapo, da Aldeia Mekrangnont, trabalha pela preservação do território. <3

4205d4a9cdb9d1253b4731508964a46ab843bfa6

E fica cada vez mais impossível não se contagiar com o clima de Olimpíadas, com a vibração dos atletas e com a possibilidade de – em meio a tantos escândalos no noticiário político – resgatar nem que seja um pouco da dignidade nacional; além de oferecer às novas gerações exemplos de dignidade, luta e disciplina. Que o fogo Olímpico nos traga a esperança de dias melhores nesse país.

Bom dia a todos.

——————————————————– 

Acompanhe os vídeos sobre política no Youtube. Já somos mais de 1.300 amigos, juntos no Youtube, discutindo sobre política e lutando por um país melhor. Se una a nós.

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube


07
junho
2016
Prisão de Renan, Jucá, Sarney e Cunha

Bom dia, pessoal. Bom mesmo!

Uma bomba caiu em Brasília agora pela manhã: o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao enviou Supremo Tribunal Federal (STF) a prisão dos peemedebistas:

  • Renan Calheiros – presidente do Senado
  • Romero Jucá – ex-ministro de Temer
  • José Sarney – ex-presidente do Senado
  • Eduardo Cunha – presidente da Câmara afastado

Quem conhece os envolvidos desconfiava que não demoraria esse dia a chegar.

quart

Janot enviou o pedido de prisão para o STF, e será analisado pelo ministro do Supremo Teori Zavascki, relator da Lava Jato no STF (e ministro do STF que nós mais gostamos, como já citei aqui para vocês).

Fundamentação do pedido de Janot

O pedido do Procurador Geral da República tem como justificativa a tentativa de Renan Calheiros, Jucá, Sarney e Cunha de obstruir as investigações da Operação Lava Jato – assim como Delcídio do Amaral fez (aliás, a se guiar por Delcídio, nada mais justo que o pedido de Janot seja deferido pelo STF).

Crédito: MARCELO CAMARGO AGÊNCIA BRASIL

Crédito: MARCELO CAMARGO AGÊNCIA BRASIL

Pedido de prisão de Renan, Sarney e Jucá:

O pedido se fundamenta nas gravações feitas pelo ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, que em reuniões pessoais e conversas telefônicas traiu a confiança de seus comparsas e os gravou montando um plano para barrar a Lava Jato.

Também pede o afastamento de Renan Calheiros da Presidência do Senado.

Em relação a José Sarney, foi solicitada prisão domiciliar, com uso da tornozeleira eletrônica, pelo avançar da idade.

Obcecado por grampos, Machado gravou Romero Jucá mencionando um tal “pacto” que envolve políticos e o STF, para barrar a Lava Jato. Senador em exercício, Jucá foi afastado do ministério do Planejamento porque restou inviável sua continuidade a frente da pasta. Ficou 12 dias no cargo.

Pedido de prisão de Eduardo Cunha:

Diante das interferências de Eduardo Cunha na Câmara dos Deputados, mesmo após afastamento conduzido por Teori Zavascki, Janot pede a prisão do cacique.

Janot obriga STF a reagir

Com seu pedido de prisão, Rodrigo Janot obriga o STF a reagir aos fatos que, inclusive, envolvem a Corte.

Nas gravações, Machado flagra Romero Jucá citando um “acordão” que envolve ministros do Supremo Tribunal Federal para deter a Lava Jato. Curiosamente, o STF não reagiu às gravações e ministros citados não indignaram-se publicamente diante das denúncias – ao contrário do que aconteceu quando Lula chamou o órgão de acovardado.

Silente diante de sérias gravações que envolve seus ministros, o STF terá agora a oportunidade de mostrar como agir diante das denúncias. Terá Teori, citado nas gravações como “fechado” e inacessível aos peemedebistas, coragem de determinar a prisão de políticos que poderão vir a acusar membros da Corte em futuras delações.

Com a cúpula do PT presa, a Lava Jato se aproximará ainda mais de Lula e de ministros do Supremo.

——————————————————– 

Acompanhe os vídeos sobre política no Youtube. Já somos mais de 1.300 amigos, juntos no Youtube, discutindo sobre política e lutando por um país melhor. Se una a nós.

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube

 


31
maio
2016
Vídeo: Procura-se um líder

No quadro “Acorda pra Política” de hoje, venho conversar com vocês sobre a matéria de capa da revista Época Negócios – que está espetacular!

DSC01269

 

Com profunda argumentação, a revista nos conduz a uma reflexão sobre o presente e futuro do país, para que possamos avaliar com precisão se há um líder que possa resolver nossos problemas emergenciais e se em 2018 poderá surgir um nome que una o país.

DSC01273

Reinventar o Brasil perpassa por:

  • ter um olhar global, com estratégias alinhadas com a ordem econômica mundial;
  • possuir planos de longo prazo;
  • ter capacidade de comunicação de forma transparente com a sociedade;
  • priorizar a justiça social;
  • responsabilizar-se e comprometer-se com o crescimento econômico do país;
  • instigar a empatia;
  • ter habilidade de execução e natureza colaborativa
O nosso grande problema hoje é que, a tirar pelo cenário nacional, nenhum nome se dispõe a centralizar tais características – como consequência imediata do fenômeno de vácuo de liderança!
DSC01280
Daí, a convergência nacional fica cada vez mais difícil.
E, na ausência de líderes que conduzam a população, temos a polarização e extremismo no debate político.
No vídeo, aproveito para comentar sobre os principais nomes que hoje disputam a atenção do eleitor:DSC01284
DSC01293
E discutimos sobre a importância de começar a pensarmos em 2018, quando, mais do que um “messias” (salvador da pátria), precisaremos de um “maestro” – que saiba harmonizar diferentes instrumentos.
DSC01289
No vídeo, você assiste comentários mais completos sobre o tema:

Acompanhe os vídeos sobre política no Youtube. Já somos mais de 1.300 amigos, juntos no Youtube, discutindo sobre política e lutando por um país melhor. Se una a nós.

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube


23
maio
2016
Romero Jucá fala em pacto para deter a Lava Jato

Bom dia, pessoal! O dia começou com o cenário político fervendo com as gravações telefônicas do Super Ministro Romero Jucá reveladas – dando conta de um pacto para impedir o prosseguimento da Operação Lava Jato.

Quem é Romero Jucá

Atual ministro do Planejamento, o senador licenciado Romero Jucá (PMDB-RR) é um dos maiores e mais poderosos articuladores do impeachment. Sempre esteve ligado ao poder nos últimos 20 anos, articulando com todos os presidentes da República desde Fernando Henrique Cardoso.

Senador-Romero-Jucá

Habilidoso, sabe negociar bons cargos, ajudar aliados, tirar adversários de campo e esquivar-se da Justiça.

Negociou pessoalmente com líderes de partidos políticos e com caudilhos para votarem a favor do impeachment de Dilma, distribuindo retribuições e espaços de poder no governo.

Segundo reportagem da Folha de São Paulo, em março, Jucá sugeriu ao ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado que, havendo uma “mudança” no governo federal, poderiam facilmente realizar um pacto para “estancar a sangria” representada pela Operação Lava Jato, que investiga ambos.

Quem é Sérgio Machado

Machado presidiu a Transpetro, subsidiária da Petrobras, por mais de dez anos (2003-2014).

Data: 04/07/2012     Editoria: Empresas   Reporter: Chico GoesLocal: Riocentro, Rio de Janeiro                 Pauta: Coletiva dos organizadores da ONU da  Rio+20.    Personagem:  Jose Maria Figueras Fotgrafa: Luciana Whitaker/Valor

Fotógrafa: Luciana Whitaker/Valor

Foi indicado pelo PMDB nacional e já depôs na Polícia Federal. No STF, é alvo de inquérito junto com Renan Calheiros, presidente do Senado. Foi denunciado por dois delatores e, tendo provavelmente entregue R$ 500 mil ao ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa.

O que Jucá e Machado querem

Na gravação, realizada de forma oculta, e cujo conteúdo já se encontra na Procuradoria Geral da República, Jucá e Machado dialogam sobre a Lava Jato. A gravação ocorreu semanas antes da votação da admissibilidade do impeachment na Câmara dos Deputados.

Machado é investigado pela Operação Lava Jato e tinha receio do processo ir para as mãos do temido juiz Sérgio Moro. Até o momento, as apurações contra ele vinham se dando no âmbito do STF (Supremo Tribunal Federal). E por algum motivo que não sabemos qual, o Machado preferia que os ministros do STF continuassem a frente do seu processo, a ser investigado na República de Curitiba.

Assim, Machado passou a procurar líderes do PMDB para pedir ajuda.

Juntos, Machado e Jucá falam sobre barrar a operação Lava Jato, para que impactem menos nas suas vidas.

Conversas entre Machado e Jucá revelam estratégia (excelente) de Janot

No diálogo entre Machado e Jucá fica claro o que eu sempre disse para vocês: a tomada do poder não se deu de forma constitucional para fins nobres. O que houve foi uma abrupta cisão democrática promovida com a liderança e um partido político – o PMDB – interessado em barrar investigação contra seus líderes e renegociar espaços do poder com partidos políticos aliados.

Para Machado, Janot quer pegar o PMDB e sabe que pode ser através dele.

Conseguindo o envio do caso para Curitiba, Janot faz com que Moro passe a investigar Machado com mais rigor do que o STF vem fazendo.

Assim, aumentam as possibilidades de Machado ser preso.

A estratégia é forçá-lo a fazer uma delação e incriminar líderes do PMDB.

Machado ameaça o PMDB

Machado solicita a Jucá – um dos maiores peemedebistas -, que monte uma estrutura para protegê-lo. Se ele for pego,

“fodeu para todo mundo. Como montar uma estrutura para evitar que eu ‘desça’? Se eu ‘descer’…”.

Ameaça clara!

Machado reforça suas intenções de ter a ajuda do PMDB em nome de não entregar os comparsas:

“Então eu estou preocupado com o quê? Comigo e com vocês. A gente tem que encontrar uma saída”.

Jucá concordou que o caso de Machado:

“não pode ficar na mão desse [Moro]Tem que mudar o governo para estancar essa sangria”.

Jucá acrescenta que se o processo for para Moro, Machado vai ficar exposto, segundo ele, sem necessidade. A exposição poderia fazê-lo falar e derrubar o castelo de cartas do PMDB.

Jucá também orienta Machado a procurar o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) e o ex-presidente José Sarney (PMDB-AP).

Pacto Nacional de Corrupção é a Ponte para o Futuro?

Quando da conversa, Dilma ainda não havia sido retirada de seu cargo. Jucá especula com Machado que um possível governo Michel Temer deveria construir um pacto nacional para barrar as investigações:

“com o Supremo, com tudo. Aí parava tudo.”

“É. Delimitava onde está, pronto”.

Romero Jucá revela que já entrou em contato com ministros do STF e que possui relacionamento e acesso a maioria dos ministros, excetuando claramente Teori (que tem partido meu coração, mas, em regra, gosto).

O ministro Teori Zavascki é relator da Lava Jato na Corte, e foi adjetivado por Jucá como “um cara fechado”.

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube


19
maio
2016
Vídeo: DEM e PSDB se humilham a Waldir Maranhão

Os partidos de oposição à presidente Dilma têm reclamado do presidente da Câmara em exercício, Waldir Maranhão – escolhido por eles quando votaram em Eduardo Cunha presidente da Casa. Muito mais patacoada de holofotes, os parlamentares têm se curvado aos ditames do aprendiz de Eduardo Cunha, que dita as regras e todos obedecem.

Acompanhe os vídeos sobre política no Youtube. Já somos mais de 1.300 amigos, juntos no Youtube, discutindo sobre política e lutando por um país melhor. Se una a nós.

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube


19
maio
2016
Revelo porque Temer não nomeou mulheres para ministérios

Bom dia. Tudo certinho com vocês? Estão sobrevivendo aos solavancos do Governo Temer?

Pois então… vamos começar o dia falando dele…

Temer não nomeou mulheres nos ministérios (e agora tenta correr atrás do prejuízo fazendo convites que, na maioria, não estão sendo aceitos).

images-cms-image-000496867

Precisamos avaliar o assunto de forma mais madura, dada a sua complexidade. Não se trata de “ter mulheres” ou “não ter mulheres” ministras. Devemos refletir sobre:

  • a importância da diversidade para a democracia (comprovada cientificamente);
  • o espaço político das mulheres nos partidos da coalizão de Temer;
  • as parlamentares que são eleitas pelo capital político dos maridos/pais (reforçando o machismo) para burlar lei da ficha limpa etc…

O vídeo ficou um pouco longo, mas conto com a paciência de vocês para assistir até o final, tendo em vista a importância do tema.

Assista:

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube


18
maio
2016
Sérgio Moro condena Dirceu a 23 anos de prisão

Bom dia pessoal. Tudo certinho?

O juiz federal Sérgio Moro acaba de condenar o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu (governo Lula) a 23 anos e 3 meses de prisão, por crimes descobertos pelas investigações da operação Lava Jato.

Crimes pelos quais Dirceu foi condenado: corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Todos ligados ao esquema de desvio de dinheiro da Petrobras conhecido como Petrolão.

Clique na decisão contra dirceu e leia!

Dirceu já foi condenado por crimes de corrupção, em 2012, pelo Mensalão – quando dinheiro público desviado era usado para manter deputados na base do governo.

dirceu preso polícia federal

Na Petrobras, junto com seus comparsas, Dirceu desviava de 1% a 5% dos valores de contratos. Faziam parte do esquema bilionário, os partidos PT, PMDB (hoje na presidência da República) e PP (comprado atualmente para a base do governo Temer).

As empresas montavam um cartel e dividiam as licitações na Petrobras, todas pagando “pedágio” para participar do esquema e desviar recursos públicos.

Dirceu estava cumprindo prisão domiciliar pela condenação pelo Mensalão, mas quando a Polícia Federal descobriu sua ligação com o esquema da Petrobras, ele voltou para a cadeia. O petista teve papel fundamental nos dois esquemas, no que chamo atenção para o fato de, cruzando as datas, percebemos que enquanto era julgado, condenado e preso pelo Mensalão, ele, nos bastidores, comandava o núcleo político da organização criminosa que lesava a Petrobras. Inacreditável!

Segundo a força-tarefa da Lava Jato, o braço direito de Lula ocupava papel de destaque e recebeu muito dinheiro desviado da estatal, além de ser um dos responsáveis pelo “complexo esquema criminoso praticado em variadas etapas e que envolveu diversas estruturas de poder, público e privado”.

Com a condenação de Dirceu, a Lava Jato bate na antesala da presidência da República, colocando o ex-presidente Lula sob suspeita ainda maior.

Dirceu foi delatado por comparsas importantes no desmonte da quadrilha:

– Pedro Barusco

– Milton Pascowitch

– Julio Camargo

– Fernando Moura

Também foram condenados:

  • Luiz Eduardo de Oliveira e Silva – irmão de José Dirceu

Pena: pena de 8 anos e 9 meses de reclusão

Crimes: lavagem e pertinência à organização criminosa;

  • Gerson Almada – empreiteiro da Engevix

Pena: 15 anos e 6 meses de reclusão

Crimes: corrupção e lavagem de dinheiro.

  • Fernando Moura – empresário ligado ao PT e um dos delatores da Lava Jato

Pena: 16 anos e 2 meses de prisão.

  • João Vaccari Neto – ex-tesoureiro do PT

Pena: 9 anos de prisão por corrupção.

  • Renato Duque – ex-diretor de Serviços da Petrobrás

Pena: corrupção 10 anos de reclusão.

  • Roberto ‘Bob’ Marques – ex-assessor de Dirceu

Pena: 3 anos de reclusão. Esta pena foi substituída por duas restritivas de direito: prestação de serviço à comunidade e prestação pecuniária.

——————————————————– 

Me encontre nas redes sociais para conversarmos mais sobre política:

 Facebook | FanPage | Twitter | Instagram | Youtube